O Congresso e os outros

Amigos leitores,

Hoje faz uma semana que estive em São Paulo para participar pela segunda vez do Congresso Internacional de Secretariado, o COINS. Este, certamente, se consagrou como o melhor congresso na área no Brasil. A primeira vez foi em 2015, quando o COINS foi sediado em Santos-SP. Naquela ocasião, fui reintegrada aos eventos da área e tive agrata oportunidade de divulgar meu livro, lançado no mesmo ano.

Desta vez, foi mais especial. Há um ano fui convidada para proferir uma palestra no COINS, edição 2017. O tema foi “Interculturalidade: tendências e perspectivas para a atuação do profissional de Secretariado”. Impossível expressar com palavras o quanto me senti honrada e grata por este momento. A palestra foi o ponto alto de uma carreira que começa a emergir para muito além do que jamais imaginei. Todavia, muito mais do que ter vivido um momento único e incrível, foram os encontros que aconteceram em dois dias de evento.

Muito honrada por fazer parte da delegação do Distrito Federal, que recebeu uma premiação por ter sido a maior delegação de fora de São Paulo. O alto nível das palestras, a solidez do trabalho realizado pelo comitê de Secretariado do DF, a sinergia entre os participantes e o alinhamento de todas as falas e apresentações da primeira à última palestra demonstram o cuidado minucioso da competente equipe organizadora deste belo congresso. Estou muito feliz e esperançosa em ver um evento de altíssimo nível feito por secretários executivos para secretários executivos.

De toda a qualidade técnica do COINS, fica a memória do que, para mim, foi o grande destaque deste evento: as pessoas, as relações que foram estabelecidas e o que o secretariado promove dentro de nós. Vivi experiências com pessoas que não conhecia pessoalmente, tive encontros especiais com pessoas que precisavam de mais do que orientação profissional. Enxerguei a alma de profissionais que buscavam no COINS alguém que as pudesse ouvir e, talvez, dar-lhes um sinal de esperança sobre a vida, sobre o que é viver.

Minha palestra começou com um exercício de interculturalidade. Simples como você certamente não pensou: o exercício de olhar no fundo dos olhos das pessoas ao redor. Na vida, tudo vai bem com uma boa trilha sonora. A que eu elegi para este flash temporal foi Ordinary Love, U2. Foram três minutos e cinquenta e seis segundos de pura interação, imersão no outro, ouvir o outro, olhar o outro. Era para falar de interculturalidade para os participantes. Eu precisava marcar a vida daquelas pessoas. Nada mais indicado que fazê-las entender na pele o que isso quer dizer.

A conclusão veio ao longo dos 90 minutos de palestra. As pessoas perguntavam, questionavam, comentavam os dados, os conceitos, participaram ativamente deste momento. Elas estavam vivas e, ali, eu imprimia uma marca no coração e na mente delas. O conhecimento se constrói em via de mão dupla. Eu preciso provocar o outro para que o outro se apresente, para que o outro experimente, para que o outro se sinta. Ao final, recebi muitos abraços, pedidos de aconselhamento, identificação com várias histórias contadas e muitos olhares de gratidão, de vibração. Recebi muito amor. O congresso promoveu a construção de pontes, de laços, de vínculos. O congresso foi a desculpa perfeita para finalizar um ano de trabalho intenso, onde pude estar em muitos lugares levando muito mais do que uma mensagem sobre o futuro do secretariado e, sim, sobre o futuro da sociedade como a conhecemos, como a vivemos.

Pude iniciar um debate que seguirá nos próximos anos sobre um tema extremamente profundo e relevante não só para profissionais de secretariado, como também para seres humanos interessados em construir algo muito maior do que um patrimônio material, mas um legado que poderá fazer sentido para as pessoas no futuro.

Confiram algumas imagens emblemáticas deste congresso maravilhoso:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Marcela Brito sou eu: muitas mulheres, muitas facetas, uma só identidade. Alguém com missão, paixão e coragem.

www.facebook.com/SecretariadoIntercultural
br.linkedin.com/in/marcelabrito
www.twitter.com/marcelascbrito
Instagram: @marcelascbrito
Youtube: http://www.youtube.com/marcelasconceicao

, ,

Deixe uma resposta