O tempo de todas as coisas

Amigos leitores,

Neste primeiro sábado de janeiro é importante falar do tempo para descansar, não fazer nada, dormir, meditar, isto é, ter um tempo de qualidade individual. Engraçado, nascemos para vivermos acompanhados, mas precisar ter um tempo sozinhos. Criação dos tempos pós-modernos ou necessidade humana? Não sei, mas certamente existe um tempo para tudo neste mundo. Neste janeiro, mês de verão preguiçoso, de refazer a alma, o coração e o corpo no pós festejos de fim de ano. Janeiro traz cansaço (seja por não ter tirado férias ou por tê-las tirado), preguiça, lentidão. Mas essa sensação pode ser favorável. Aproveitar o momento inerte do segundo mês do verão em terras tupiniquins é também reservar tempo para si.

E assim, chegamos ao primeiro fim de semana deste ano que muito promete. Leitura, meditação, reflexão no que fazer nos dias vindouros, recheados de surpresas, oportunidades, novidades. Faz bem dedicar-se ao nada, ao pensar em nada, fazer nada, querer nada (por que não?), pois dois mil e dezoito é daqueles anos intensos que trará em junho a alegria, o vigor e a festa de mais uma copa do mundo, bem como a turbulência caótica de novas eleições no Brasil. Festa e caos em um período apenas. Aguardemos.

Mas que possamos aguardar cuidando do que nos é mais precioso em nós: o nosso coração. Paz, tranquilidade, silêncio. Vamos aproveitar os primeiros fins de semana para termos encontros especiais conosco, com nossa essência, para nos conectarmos ao nosso próprio coração e emoções. E quanto mais conectados estivermos conosco, mais facilidade teremos de nos conectarmos com as outras pessoas ao nosso redor. Portanto, que neste primeiro fim de semana, possamos exercitar o tempo precioso despendido com aqueles que prezam por nossa presença, companhia e felicidade.

Neste primeiro fim de semana, desejo que vocês programem sim, planejem muito com antecedência os momentos deliciosos da vida, para que quando eles cheguem vocês só tenham tempo para celebrar a beleza de viver e de ser feliz com quem somos, com quem estamos e com o que temos. Um beijo e um sábado de muito amor para todos vocês!!!

6/365

Marcela Brito sou eu: muitas mulheres, muitas facetas, uma só identidade. Alguém com missão, paixão e coragem.

www.facebook.com/SecretariadoIntercultural
br.linkedin.com/in/marcelabrito
www.twitter.com/marcelascbrito
Instagram: @marcelascbrito
Youtube: http://www.youtube.com/marcelasconceicao

, ,

Deixe uma resposta